Cresce tensão entre Camboja e Tailândia

A tensão entre Camboja e Tailândia aumentou, pelo quinto dia consecutivo, e os dois países estão concentrando tropas na fronteira comum, anunciaram neste sábado fontes oficiais.

AFP |

Na região do templo de Preah Vihear há cerca de 500 militares tailandeses e quase mil soldados cambojanos.

"No momento, há mais de 400 soldados tailandeses estacionados na zona do templo. Não sei quantos estão na selva", disse o general Chea Keo, comandante das forças cambojanas na região.

Na noite de sexta-feira, o primeiro-ministro tailandês, Samak Sundaravej, acusou o premier cambojano, Hun Sen, de "deteriorar" a situação ao concentrar tropas na fronteira comum.

Em uma carta, Samak acusou o Camboja de violar um acordo prévio de não construir no território em litígio, segundo o ministério tailandês das Relações Exteriores.

Camboja e Tailândia disputam a propriedade do antigo templo hindu de Preah Vihear, situado a 400 km ao norte da capital Phnom Penh, na fronteira com a Tailândia.

O templo, que data do século XI, foi recentemente incluído na lista do Patrimônio Universal da Unesco.

O conflito se agravou a partir de quinta-feira passada, quando o Camboja denunciou que soldados tailandeses cruzaram a fronteira.

suy/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG