CPJ pede reabertura de Rádio Globo e Canal 36 em Hoduras

O governo de fato em Honduras deve permitir que os meios de comunicação ligados ao presidente deposto, Manuel Zelaya, voltem imediatamente ao ar, disse nesta segunda-feira o Comitê para Proteção dos Jornalistas (CPJ).

AFP |

"Os cidadãos hondurenhos têm o direito de estar devidamente informados sobre o que ocorre em seu país neste momento tão delicado", afirmou Carlos Lauría, coordenador do programa das Américas do CPJ.

"Exortamos o governo interino a suspender as restrições sobre a imprensa, a reabrir imediatamente os meios fechados e a respeitar o direito dos jornalistas de informar com total liberdade", destacou Lauría.

Após um decreto que suspende as liberdades públicas, funcionários hondurenhos fecharam nesta segunda-feira a Rádio Globo e o Canal 36 de TV.

Os dois veículos, ligados a Zelaya, tem criticado abertamente o governo de fato, liderado por Roberto Micheletti.

ltl/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG