Costa Rica é primeiro exportador mundial de borboletas

O que começou, há 35 anos, como um hobby do americano Joris Brinckerhoff é hoje uma fazenda de criação de borboletas tropicais, que fez da Costa Rica o principal exportador mundial com mais de 70.000 crisálidas por ano.

AFP |

"The Butterfly Farm", ou a Fazenda das Borboletas, deu seus primeiros passos enviando morphos - a "rainha" indiscutível das borboletas costa-riquenhas, um belíssimo exemplar de azul intenso -, zebras, estrelas na noite, heliconius doris, ou heliconius sara, para o Reino Unido.

Agora, as 126 espécies criadas e comercializadas pela Fazenda das Borboletas, que fica em La Guácima (25 km ao norte de San José), riscam os céus toda semana, chegando a 123 países, na forma de crisálidas.

Nos insetos com metamorfose completa, a crisálida é o estado quiescente prévio ao do adulto. O ciclo começa com plantas hospedeiras, nas quais as borboletas põem seus ovos, que são recolhidos em recipientes. Uma semana depois, emergirá uma pequena larva, o estado anterior ao da crisálida, explica à AFP Diego Jiménez, gerente de comercialização da Fazenda.

O ciclo completo varia de uma borboleta para outra, mas sua expectativa de vida beira os seis meses, diz Jiménez.

Zoológicos, estufas, exibições, jardins de Estados Unidos, Canadá, Espanha, Alemanha e França, principalmente, são os principais destinos das borboletas costa-riquenhas, que podem valer de centavos a até 5 dólares, no caso da morpho, sem dúvida, uma das mais vistosas.

Símbolo do amor, da beleza, ou da mudança, as borboletas alimentam a cultura popular de cada país.

Na China, por exemplo, representam o amor; na Europa, a beleza; nos EUA e no Canadá, a mudança; e, nos países muçulmanos, viraram símbolo de sabedoria, sobretudo, as noturnas, "que vão em busca da luz".

Já na Costa Rica significam a boa sorte e, para La Guácima, traduziram-se em "desenvolvimento rural, sustentável, porque o povo já não corta o bosque", comemora Jiménez.

af/tt

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG