Correa recebe delegação do Irã para discutir relações bilaterais

Quito, 12 jan (EFE).- O presidente do Equador, Rafael Correa, se reuniu hoje em Quito com uma delegação do Irã liderada pelo ministro de Cooperativas iraniano, Mohammad Abbasi, informou a Secretaria de Comunicação da Presidência equatoriana.

EFE |

Correa e o ministro das Relações Exteriores equatoriano, Fander Falconí, receberam os representantes iranianos no palácio presidencial, onde Abbasi agradeceu, em nome do líder iraniano, Mahmoud Ahmadinejad, pela visita realizada pelo presidente equatoriano ao Irã no final do ano passado, segundo a nota.

Após a visita, o ministro iraniano declarou aos jornalistas que, na reunião com Correa, foram analisados 11 acordos entre os países, assinados quando Correa visitou o Irã, assim como a negociação de um empréstimo de US$ 280 milhões que Teerã investirá em infra-estrutura na área petrolífera em Quito.

A televisão local "Ecuavisa" informou que, na reunião, foi discutida a agenda e o calendário para implementar esta cooperação.

Além disso, os dois lados condenaram o ataque de Israel à Faixa de Gaza.

Os funcionários iranianos se reuniram também com o presidente da Comissão Legislativa, Fernando Cordero, com o qual conversaram sobre o "processo constituinte" vivido pelo Equador em 2008, de acordo com o comunicado do Legislativo.

Outro dos temas abordados foi "a necessidade de fortalecer as relações entre os dois povos", acrescentou a nota.

Além de Abbasí, a missão iraniana, que pretendia retornar hoje mesmo ao país, foi formada pelo diretor-geral das Américas do Ministério de Assuntos Exteriores, Ahmad Sobhani, e o diretor-geral de Relações Públicas e Internacionais do Ministério de Cooperativas, Mohammad Jafari, entre outras autoridades. EFE jc/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG