Correa e Morales chegam à Venezuela para cúpula da Alba

Caracas, 24 jun (EFE).- Os presidentes do Equador, Rafael Correa, e da Bolívia, Evo Morales, chegaram na noite desta terça-feira à Venezuela para participar da Cúpula Extraordinária da Alternativa Bolivariana para as Américas (Alba), que acontecerá na cidade de Maracay.

EFE |

Em uma breve declaração à imprensa, Correa ressaltou que a adesão de seu país ao grupo regional, que será formalizada nesta reunião, responde à vontade de "seguir construindo" uma América unida e consolidar a integração para "falar em uma só voz" nos fóruns internacionais.

O presidente equatoriano ressaltou ainda a importância da Alba no processo de integração, porque se trata de um grupo de países "decididos a defender os interesses da região".

A reunião extraordinária foi convocada pelo presidente venezuelano, Hugo Chávez, para formalizar a adesão ao bloco do Equador, e de Antígua e Barbuda e São Vicente e Granadinas.

Também fazem parte da Alba Cuba, Bolívia, Dominica, Honduras, Nicarágua e Venezuela.

Os participantes da cúpula assistirão na manhã da quarta-feira a um desfile cívico-militar em Carabobo, Estado vizinho ao de Aragua, onde no dia 24 de junho de 1821 aconteceu uma decisiva batalha pela independência venezuelana da Espanha.

Segundo a agenda do encontro, os líderes da Alba se transferirão depois à cidade de Maracay para sua reunião extraordinária, que está programada para terminar na tarde desta quarta-feira. EFE eb/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG