Quito, 21 abr (EFE).- O presidente equatoriano, Rafael Correa, anunciou hoje que seu colega da Venezuela, Hugo Chávez, visitará o Equador em julho para tratar da construção da chamada refinaria do Pacífico.

Sem entrar em detalhes, Correa disse em discurso perante a presidente da Argentina, Cristina Fernández, que Chávez virá "nos primeiros dias de julho para pôr a primeira pedra da nova refinaria do Pacífico".

Em agosto passado, Quito e Caracas assinaram um memorando de entendimento para a formulação e execução de um projeto para a construção de uma refinaria na província de Manabí.

O acordo foi ratificado entre os presidentes das petrolíferas estatais PDVSA, Rafael Ramírez Carreño, e Petroecuador, Carlos Casal, com Chávez e Correa como testemunhas.

Correa mencionou hoje a visita de Chávez quando se referia à importância da cooperação latino-americana e a um projeto hidrelétrico do qual a Argentina participará. EFE sm/sc

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.