Correa destitui comandante da Polícia, após saída do ministro da Defesa

Quito, 9 abr (EFE).- O presidente do Equador, Rafael Correa, destituiu hoje do cargo o comandante geral da Polícia Nacional, general Bolívar Cisneros, informou a imprensa local.

EFE |

A destituição de Cisneros, que segundo a imprensa será substituído pelo general Jaime Hurtado Vaca, até agora inspetor da Polícia Nacional, ocorre ao mesmo tempo em que a mudança do ministro da Defesa.

O presidente também afastou hoje o ministro da Defesa, Wellington Sandoval. Seu substituto, Javier Ponce, até agora secretário particular de Correa, assumirá hoje mesmo essa pasta, informou uma fonte do Ministério da Defesa. EFE cho/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG