Corpos localizados do voo da Air France são 50, e não 51

Brasília, 7 jul (EFE).- A Polícia Federal comunicou hoje que, de acordo com as análises genéticas, os restos recuperados de vítimas do acidente com o avião da Air France correspondem a 50 pessoas, uma a menos do que o informado inicialmente.

EFE |

A confusão ocorreu porque os últimos restos humanos recuperados do mar correspondiam ao corpo de um passageiro que já havia sido localizado antes.

Até agora, 43 passageiros ou tripulantes do Airbus foram identificados. Destes, 17 são brasileiros.

Os restos mortais de outras sete pessoas, que se encontram no Instituto Médico Legal de Recife, ainda não foram identificados.

As buscas pelos restos da aeronave e de seus ocupantes, entre eles passageiros de 32 nacionalidades, chegaram ao fim no último dia 26, quando as autoridades de Brasil e França determinaram que já não seria possível fazer descobertas sobre o acidente.

A caixa-preta do avião da Air France não foi localizada e sua busca está a cargo das autoridades francesas, que ainda trabalham na região na qual se acredita que o avião caiu, a cerca de 1.300 quilômetros do litoral do Nordeste brasileiro. EFE mp/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG