Coréia do Sul e EUA vão iniciar manobras militares conjuntas

Tóquio, 17 ago (EFE).- Coréia do Sul e Estados Unidos iniciam amanhã suas manobras militares anuais de grande escala, na primeira vez em que Seul se prepara para tomar o controle de suas forças em tempo de guerra, previsto para 2012, informou hoje a agência Yonhap.

EFE |

Cerca de 56.000 soldados sul-coreanos e 10.000 americanos participarão dos exercícios, que durarão cinco dias.

As manobras deste ano, chamadas Guardião da Liberdade Ulchi, se concentrarão em "operações de comprovação" dirigidas pelas forças sul-coreanas e apoiadas pelas dos EUA, segundo um funcionário do Ministério da Defesa sul-coreano.

Pela primeira vez na história destas manobras o Exército sul-coreano e o americano terão dois comandantes separados.

A mudança obedece ao fato de que em 2012 a Coréia do Sul tomará o controle de suas tropas em tempos de guerra, atualmente em poder dos EUA.

A Coréia do Norte critica fortemente o exercício militar conjunto, porque o considera um desdobramento hostil dos EUA.

Os exercícios de guerra chegam quando os EUA estão a ponto de levantar algumas sanções contra a Coréia do Norte depois que Pyongyang entregou em junho um relatório detalhado com seu potencial nuclear. EFE fab/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG