Coréia do Sul desmente rumores sobre a saúde do líder norte-coreano

O governo sul-coreano desmentiu neste domingo as informações da imprensa segundo as quais o estado de saúde do líder da Coréia do Norte, Kim Jong-Il, teria se agravado.

AFP |

O jornal econômico Asia Economy, citando uma fonte anônima do governo, publicou sábado que cinco médicos chineses estavam há uma semana na Coréia do Norte provavelmente para curar o líder do regime comunista.

O presidente norte-coreano não é visto em público há três semanas: ele apareceu durante a inspeção de uma unidade militar em 14 de agosto, segundo a imprensa.

Este domingo, os serviços de inteligência sul-coreanos indicaram à AFP que a Coréia do Sul não tem recebido informações que confirmem o agravamento do estado de saúde de Kim.

Estes rumores sobre a saúde e inclusive a morte do líder norte-coreano são freqüentes.

jkw/lm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG