SEUL (Reuters) - Um homem de 55 anos que esteve na Tailândia morreu por causa da gripe H1N1, convertendo-se na primeira morte pela nova gripe na Coreia do Sul, informaram neste sábado autoridades sanitárias locais. O vírus da nova gripe, que foi declarada pandemia em junho, se propagou por todo o mundo e poderia chegar a afetar 2 bilhões de pessoas, de acordo com estimativas da Organização Mundial da Saúde (OMS).

A Coreia do Sul confirmou que, até o momento, foram registrados no país 2.032 casos da gripe H1N1. O vírus já provocou a morte de mais de 800 pessoas em todo o mundo desde que surgiu, em abril deste ano.

(Reportagem de Miyoung Kim)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.