Coreia do Sul celebra condenação da ONU a ação do Norte

Seul, 14 abr (EFE).- O Governo da Coreia do Sul manifestou hoje seu apoio à condenação do Conselho de Segurança da ONU ao lançamento de um foguete de longo alcance por parte do Norte e pediu a Pyongyang que não eleve a tensão na região.

EFE |

"O Governo celebra e apoia a declaração presidencial adotada no Conselho de Segurança da ONU sobre o lançamento de um foguete de longo alcance por parte da Coreia do Norte", diz em comunicado o porta-voz da Chancelaria sul-coreana, Moon Tae-young, citado pela agência de notícias local "Yonhap".

O porta-voz qualificou como "apropriado" o fato de o Conselho de Segurança condenar o ato norte-coreano como uma contravenção da Resolução 1718, aprovada em 2006, e que ordena a Pyongyang a suspensão de todas as atividades relacionadas ao desenvolvimento de mísseis balísticos.

A reação de Seul chega depois que o Conselho de Segurança das Nações Unidas aprovou ontem, por unanimidade, uma declaração que condena a ação da Coreia do Norte, feita em 5 de abril passado.

"A Coreia do Norte deve reconhecer o fato de que a comunidade internacional adotou uma postura firme e unificada através da declaração presidencial do Conselho de Segurança, e deter atos provocativos que prejudiquem a paz e a estabilidade na península coreana e no nordeste da Ásia", afirmou o porta-voz sul-coreano. EFE ce/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG