Coreia do Sul anuncia programa que limita tempo de uso da internet

O governo da Coreia do Sul anunciou nesta semana que vai disponibilizar a partir do ano que vem um programa gratuito de computador para controlar o tempo que as pessoas passam conectadas à internet.

BBC Brasil |

O correspondente da BBC em Seul, John Sudworth, afirma que a iniciativa faz parte de um pacote de medidas que as autoridades sul-coreanas pretendem implantar para tentar reduzir o vício na internet, que já afetaria cerca de 2 milhões de pessoas no país.

A ideia é que os usuários possam instalar o programa em seus computadores e laptops e estabelecer um tempo limite que podem passar na internet. A ação estatal também incluirá campanhas educacionais e serviços de aconselhamento.

Vício

Segundo o jornal local Korea Times, o governo sul-coreano pretende lançar programas educativos que atinjam 10 milhões de pessoas e convidar cerca de 300 mil viciados em internet para receberem aconselhamento profissional.

O governo quer também que as empresas que desenvolvem jogos de computador busquem formas de tornar seus produtos menos viciantes. Eles poderiam, por exemplo, tornar-se tão difíceis que os jogadores acabariam por desistir de jogar.

A Coreia do Sul se viu forçada a agir contra o vício da internet principalmente depois que veio à tona o caso dos pais sul-coreanos que deixaram seu bebê de 3 meses morrer de inanição enquanto estavam conectados à internet.

Leia mais sobre internet

    Leia tudo sobre: internet

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG