Coreia do Norte retomará os projetos intercoreanos na fronteira

Seul, 17 ago (EFE).- Pyongyang acertou reiniciar os projetos turísticos que compartilhava com a Coreia da Sul no monte Kumgang e Kaesong, ambos em território norte-coreano, e normalizar a passagem fronteiriça, após a visita da presidente do grupo Hyundai a Pyongyang.

EFE |

Em um comunicado conjunto da Hyundai e do Comitê de Paz Coreia-Ásia Pacífico, anunciado pela agência norte-coreana "KCNA", Pyongyang se comprometeu a "reiniciar as viagens à montanha Kumgang o mais rápido possível e inaugurar novos tours em Pirobong, o pico mais alto deste monte".

O acordo foi adotado um dia depois que o líder norte-coreano Kim Jong-il e a presidente do grupo sul-coreano Hyundai (o principal investidor nos projetos intercoreanos), Hyun Jung-eun, se reuniram em Pyongyang para falar de suas operações na Coreia do Norte e sobre a libertação de um sul-coreano detido em Kaesong.

Ambas as partes acertaram "facilitar as reuniões das famílias separadas do Norte e do Sul no Monte Kumgang no dia do Chusok (festividade coreana em setembro), este ano".

Igualmente, a Coreia do Norte se comprometeu a reiniciar as viagens turísticas a Kaesong "em breve" e revitalizar as operações no complexo industrial e normalizar a passagem pela Linha Militar de Demarcação que divide os países.

Além disso, ambas as partes falaram da possibilidade de abrir um novo complexo turístico na Coreia do Norte, no monte Paekdu, o mais alto do país comunista, com a cooperação do sul-coreana Hyundai, embora, segundo o comunicado, dependerá das preparações feitas pela companhia multinacional.

Os projetos turísticos intercoreanos foram um dos símbolos da cooperação entre as duas Coreias até a chegada ao poder do conservador Lee Myung-bak, quando as relações Seul-Pyongyang pioraram.

Através destes acordos, os sul-coreanos podiam visitar lugares turísticos da Coreia do Norte, enquanto as famílias coreanas, separadas após a guerra entre Norte e Sul, podiam se reunir nesses complexos turísticos. EFE co-jmr/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG