Coreia do Norte rejeita pedido da ONU sobre ameaça a voos

Seul, 6 mar (EFE).- A Coreia do Norte rejeitou hoje o pedido do comando da ONU liderado pelos Estados Unidos para que retirasse suas ameaças militares contra voos civis sul-coreanos, segundo informou a agência de notícias sul-coreana Yonhap.

EFE |

De acordo com uma fonte do Governo de Seul citada pela "Yonhap", o regime comunista de Pyongyang exigiu a suspensão das manobras militares conjuntas de Coreia do Sul e EUA, que começam na próxima segunda-feira.

A Coreia do Norte e o comando da ONU realizaram hoje sua segunda reunião militar de alto nível, após a primeira que ocorreu na segunda-feira na zona desmilitarizada de Panmunjom, a fim de diminuir a tensão na fronteira entre as duas Coreias.

A reunião aconteceu depois que Pyongyang advertisse, nesta quinta-feira, que não poderá garantir a segurança de aviões civis sul-coreanos que voem perto de seu território enquanto militares de Coreia do Sul e EUA façam manobras conjuntas.

Companhias aéreas sul-coreanas mudaram hoje as rotas de seus aviões após a Coreia do Norte lançar a ameaça. EFE ce/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG