Coreia do Norte reitera suas ameaças de guerra contra Coreia do Sul

Seul - A Coreia do Norte ameaçou hoje de novo com uma guerra em caso de a Coreia do Sul participar plenamente na Iniciativa de Segurança contra a Proliferação (PSI, na sigla em inglês) de armas de destruição em massa (ADM), segundo o jornal norte-coreano Rodong Sinmun.

EFE |

"Falar de uma plena participação na PSI é uma declaração pública de confronto militar contra nós e uma provocação de guerra para invadir o Norte", diz o jornal do Partido dos Trabalhadores do regime comunista, citado pela agência "Yonhap".

Esta ameaça norte-coreana faz parte de uma série de mensagens lançadas por Pyongyang desde que o Governo de Seul anunciou seu plano de ampliar a presença na PSI, em resposta ao lançamento norte-coreano de um foguete de longo alcance efetuado há um mês.

Enquanto o Governo de Seul delibera para tornar oficial esta colocação o presidente sul-coreano, Lee Myung-bak, reafirmou há duas semanas o compromisso sul-coreano em sua participação plena na PSI.

A Coreia do Sul participa desde 2005 parcialmente na PSI, só como país observador, para não provocar o regime comunista da Coreia do Norte.

Leia mais sobre: Coreia do Norte - Coreia do Sul

    Leia tudo sobre: coréia do nortecoréia do sul

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG