Coreia do Norte prosseguirá com seu programa de mísseis

A Coreia do Norte prosseguirá com seu programa de lançamento de mísseis, mas como parte integrande de seu programa espacial e não como um ato de provocação militar, indicaram nesta segunda-feira, hora local, os meios de comunicação oficiais.

AFP |

"Saberemos mais adiante que tipo (de míssil) será lançado pela Coréia do Norte", indicou a agência oficial norte-coreana KCNA, que enfatizou o direito do país a ter um "desenvolvimento espacial".

Fontes americanas e sul-coreanas afirmaram que Pyongyang se prepara para realizar um lançamento teste de seu mísseis de longo alcance Taepodon-2, capaz de chegar ao Alasca.

Informações da imprensa, baseadas no exame de fotos de satélites, falam de preparativos avançados na zona de lançamento de Musudan-ri, na costa nordeste.

A KCNA denunciou que "forças hostis" fazem correr rumores de que a Coreia do Norte está planejando um ato de provocação para chamar a atenção.

"A Coreia do Norte não precisa chamar a atenção de ninguém, nem quer que ninguém interfira ou medie a situação na península coreana, onde só vivem coreanos", acrescentou.

sm/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG