Coréia do Norte confirma que reativará reator nuclear de Yongbyon

A Coréia do Norte confirmou que pretende reativar o reator nuclear de Yongbyon, que havia se comprometido a desmantelar em cumprimento a um acordo internacional, informou a imprensa oficial norte-coreana.

AFP |

Os veículos de comunicação estatais também destacaram que a Coréia do Norte não tenta mais ser retirada da lista americana dos Estados que apóiam o terrorismo.

Um porta-voz do ministério das Relações Exteriores destacou que as operações para a reativação do reator começaram "há algum tempo".

"Agora que as verdadeiras cores americanas vieram à luz, a Coréia do Norte já não deseja ser retirada da lista de Estados que 'apóiam o terrorismo' e não espera mais que isto aconteça", disse o porta-voz, citado pela Agência Central de Notícias Norte-coreana (oficial).

A Coréia do Norte acusa os Estados Unidos de não cumprir o acordo de desarmamento assinado nas negociações multilaterais com seis países (China, Coréia do Norte, Coréia do Sul, Estados Unidos, Japão e Rússia).

sm/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG