suspende desarmamento nuclear - Mundo - iG" /

Coréia do Norte suspende desarmamento nuclear

A Coréia do Norte anunciou nesta terça-feira ter suspendido o desmantelamento de seu programa nuclear porque os Estados Unidos não estariam cumprindo partes do acordo de desarmamento fechado em julho, segundo informações da agência de notícias sul-coreana Yonhap.

BBC Brasil |

Em declarações à agência, um porta-voz do Ministério das Relações Exteriores norte-coreano disse que as medidas para desaparelhar as instalações nucleares foram interrompidas no dia 14 de agosto porque o governo americano ainda "não removeu o nome do país de uma lista de países financiadores de terrorismo".

"Como os Estados Unidos falharam em cumprir sua parte no acordo, temos de tomar tais medidas sob o princípio da ação por ação", disse o porta-voz.

Os EUA dizem que antes de retirar o nome do país da lista é preciso que uma equipe de inspetores seja enviada à Coréia do Norte para verificar se as informações fornecidas pelo governo de Pyongyang sobre seu programa nuclear são verdadeiras.

Ainda segundo a agência, o governo norte-coreano ameaçou reativar as instalações do reator nuclear de Yongbyon, o maior do país, onde uma torre de resfriamento foi implodida em junho como símbolo do comprometimento do país em se desarmar.

Um das partes do acordo, assinado em julho entre China, Estados Unidos, Rússia, Japão e das Coréias do Norte e do Sul incluía desativação do reator nuclear até outubro.

O porta-voz da Secretaria de Estado americana, Sean McCromack, que acompanha a secretária Condoleezza Rice em uma visita a Jerusalém, não comentou a notícia da agência sul-coreana.

A Coréia do Norte concordou em abrir mão de suas ambições nucleares no ano passado. Em troca, os cinco países envolvidos nas discussões concordaram em fornecer combustíveis e fazer concessões diplomáticas ao país.

Leia mais sobre: Coréia do Norte

    Leia tudo sobre: coréia do norte

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG