Coréia do Norte anuncia acordo com EUA para a declaração nuclear

Seul, 9 abr (EFE).- A Coréia do Norte anunciou hoje que chegou a um acordo com os Estados Unidos sobre a declaração completa de seu potencial nuclear, o que Washington exige desde o fim de um prazo para isso, no final de 2007, informou a agência Yonhap.

EFE |

Esse acordo teria sido alcançado nas conversas mantidas nesta semana, em Cingapura, entre as duas partes, de acordo com o Ministério das Relações Exteriores norte-coreano, apesar de Estados Unidos não terem anunciado o pacto, por enquanto.

O chefe de negociação dos Estados Unidos para a desnuclearização da península coreana, Christopher Hill, tinha afirmado hoje mesmo, em Pequim, que "não houve grandes avanços", mas sim alguns "progressos" nas conversas mantidas hoje com as delegações da Coréia do Norte, Rússia e China.

Hill se reuniu nesta terça-feira, em Cingapura, com o máximo negociador norte-coreano, para tentar desbloquear as negociações, paralisadas devido à recusa norte-coreana de entregar toda a informação de seu arsenal nuclear.

Os EUA acusam Pyongyang de manter um programa de enriquecimento de urânio, o que o regime norte-coreano negou até agora.

Segundo a agência oficial chinesa "Xinhua", Hill disse que ainda não foram colocados sobre a mesa "todos os elementos" acerca dos quais deve ser discutido, e que "ainda resta muito trabalho pela frente".

Hill afirmou também que não quer "sugerir que tenham ocorrido grandes avanços" nas conversas, apesar de ter indicado que, "definitivamente, progredimos".

Pyongyang manteve até agora a postura de que já entregou uma lista completa de seu programa nuclear no ano passado. EFE ce/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG