Coreia do Norte aceita 10 mil toneladas de milho da Coreia do Sul

Seul, 15 jan (EFE).- A Coreia do Norte decidiu hoje aceitar uma ajuda de dez mil toneladas de milho oferecida em outubro pela Coreia do Sul, informou a agência sul-coreana Yonhap.

EFE |

Uma porta-voz do Ministério de Unificação sul-coreano explicou que foi recebido um fax do Governo da Coreia do Norte no qual este anuncia que aceita a ajuda, a primeira enviada pelo país vizinho em dois anos.

De qualquer forma, a ajuda não poderá chegar a Coreia do Norte imediatamente, pois levará pelo menos um mês para que a Coreia do Sul compre o milho da China e o envie para Pyongyang.

A Coreia do Norte é um dos países mais pobres do mundo e a ONU chama geralmente a atenção sobre o alto nível de crise de fome no regime comunista, que em 2007 foi o maior receptor de ajuda alimentícia do mundo.

No final de outubro, Seul ofereceu dez mil toneladas de milho a Pyongyang pela primeira vez desde que o conservador Lee Myung-bak assumiu a Presidência da Coreia do Sul em fevereiro de 2008 com uma política de linha dura em relação ao vizinho comunista.

Até a chegada de Lee ao poder, na última década, Seul tinha enviado anualmente cerca de 300 mil toneladas de adubos e 400 mil toneladas de arroz ao vizinho do norte. A ajuda foi interrompida em 2008. EFE ce-psh/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG