Conversa entre Solana e Khalili sobre programa nuclear iraniano não foi conclusiva

A conversa telefônica desta segunda-feira entre o chefe da diplomacia européia, Javier Solana, e o negociador iraniano para a questão nuclear, Said Khalili, não foi conclusiva e não foram descartados novos contatos para tentar sair da crise, indicaram fontes ligadas ao espanhol.

AFP |

"A conversa não foi conclusiva", disseram à AFP essas fontes.

"Não foram descartados novos contatos nos próximos dias", acrescentaram.

Solana forneceu informações sobre a conversa com Khalili aos representantes do grupo dos seis (França, Estados Unidos, Rússia, China, Grã-Bretanha e Alemanha) que esperavam uma resposta de Teerã a sua oferta de cooperação em troca da suspensão de suas atividades de enriquecimento de urânio.

O porta-voz da diplomacia iraniana, Hassan Ghasghavi, havia rejeitado nesta segunda-feira que Teerã fosse responder a essa proposta na conversa por telefone entre Solana e Khalili.

O presidente iraniano, Mahmud Ahmadinejad, pareceu ter deixado sua posição muito clara nesse final de semana: "A nação iraniana não cederá nem um pouco em seus direitos nucleares", declarou.

Leia mais sobre Irã

    Leia tudo sobre: irã

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG