Os 2.000 soldados que a Geórgia mantém no Iraque deixarão o país em no máximo três dias, informou o comandante do Exército, o coronel Bondo Maisuradze.

"Esperamos a ordem de Tbilisi para partir hoje, amanhã ou depois de amanhã", explicou.

ktb/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.