Construtor ligado à máfia fecha contrato em Abruzo, diz jornal italiano

Roma, 29 jun (EFE).- Um construtor ligado ao mafioso siciliano Vito Ciancimino será responsável pelas obras de reestruturação dos povoados na região dos Abruzos, na Itália, que foram atingidos por um terremoto em abril, de acordo com o jornal La Repubblica.

EFE |

Segundo o diário, Dante Di Marco, de 70 anos, é o proprietário da "Impresa Di Marco Srl", da cidade de Carsoli, na região dos Abruzos, onde um forte terremoto foi registrado no dia 6 de abril, que causou aproximadamente 300 mortes, deixou milhares de desabrigados e destruiu parte de L'Aquila, capital da região, e vários povoados, entre eles Onna.

Entre Onna e L'Aquila se encontra Bazzano, localidade escolhida pelo Governo de Silvio Berlusconi para construir 4.500 casas, que alojarão aproximadamente 15 mil pessoas e receberá um investimento de 300 milhões de euros.

A primeira obra aprovada, segundo o "La Republica", foi o aplanamento da colina onde será reconstruído o povoado e o primeiro contrato foi fechado pela empresa de Di Marco.

A construtora, aponta o jornal, é "muito conhecida" pela justiça de L'Aquila e de Palermo, capital da Sicília, já que entre seus sócios e "amigos" de Di Marco está Achille Ricci, preso três semanas antes do terremoto de 6 de abril, acusado de ser um suposto laranja de Ciancimino.

Di Marco se defendeu, segundo o diário, afirmando não conhecer essas pessoas e que é somente um trabalhador "que só pensa em trabalhar com todos aqueles que queiram trabalhar" com ele. EFE jl/pd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG