Constituinte do Equador entrega a TSE projeto de Carta Magna

Montecristi (Equador), 25 jul (EFE).- A Assembléia Constituinte do Equador entregou hoje ao Tribunal Supremo Eleitoral (TSE) o texto final do projeto da nova Carta Magna, que será submetido a referendo em 28 de setembro.

EFE |

O presidente da Assembléia, Fernando Cordero, assegurou que o texto constitucional não responde a interesses particulares, mas foi pensado para toda a população.

O presidente do TSE, Jorge Acosta, recebeu o projeto constitucional na sede da Assembléia em Montecristi em meio a aplausos e bandeiras do Equador.

Participou da cerimônia de entrega o presidente do Equador, Rafael Correa, que destacou a "maturidade política", "sem comparação na história" do país, de ter redigido um texto "participativo e abrangente" que, disse, vai servir de mecanismo para deixar para trás o neoliberalismo.

Embora tenha afirmado que no projeto "se filtraram erros", Correa disse que se trata de um acordo nacional e transparente e pediu aos equatorianos para se manter unidos e "superar o arremedo de democracia" que, para ele, país viveu até agora.

Ele expressou esperança em que a mesma proporção de votos pela qual foi aprovado o texto na Assembléia (94-32) se reproduza na consulta de 28 de setembro. EFE sm/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG