Conservadora, Sarah Palin enfrenta investigação no Alasca

Como a primeira mulher e a pessoa mais jovem a ser eleita a governadora do Alasca, Sarah Palin, de 44 anos de idade, está acostumada a desafios. Ela foi eleita governadora do Estado em 2006 e, nos dois anos de sua gestão, foi responsável pela implementação de diversas reformas.

BBC Brasil |

Ela também é conhecida por ser dura contra a corrupção, tendo liderado uma investigação a conduta ética de políticos republicanos enquanto trabalhava na Comissão de Conservação do Petróleo e Gás do Alasca, em 2003.

Entretanto, ela está atualmente sob investigação de parlamentares do Alasca por causa da demissão de um comissário de segurança do Estado. Ela é acusada de tê-lo afastado por ele não ter demitido um policial envolvido em um divórcio com sua irmã.

Palin também é conhecida por suas posições conservadoras, sendo uma grande opositora do aborto e membro da National Rifle Association, organização que defende o direito dos americanos de portarem armas.

A governadora descreve a si mesma como "politicamente independente" e é considerada uma personalidade fora dos círculos políticos de Washington.

Filho no Iraque

Antes de ser eleita governadora, ela foi prefeita da cidade de Wasilla, que tem uma população de cerca de 7 mil habitantes.

Nascida no Estado de Idaho, Palin se mudou para o Alasca com a família aos três meses de idade.

Em 1984 ela foi coroada a Miss Wasilla e chegou a disputar o concurso de Miss Alasca. Formou-se na Universidade de Idaho em 1987, tendo estudado jornalismo e ciência política.

Casada, Palin deu à luz ao seu quinto filho em abril. A criança é portadora da síndrome de Down. Outro filho está no Exército e deve ser transferido para o Iraque no próximo mês, segundo o site Politico.com

Leia mais sobre:  eleições nos EUA

    Leia tudo sobre: eleições nos eua

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG