preocupado com condenação de Suu Kyi - Mundo - iG" /

Conselho de Segurança da ONU se diz preocupado com condenação de Suu Kyi

O Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas expressou nesta quinta-feira grande preocupação com a condenação imposta à líder da oposição de Mianmar, Aung San Suu Kyi, em um comunicado divulgado para conquistar o apoio de China e Rússia.

Reuters |


A declaração, lida a jornalistas pelo embaixador britânico na ONU, John Sawers, atual presidente do conselho, pede a libertação de todos os prisioneiros políticos do país asiático.

Na terça-feira, uma corte em Mianmar sentenciou Suu Kyi, que passou 14 dos últimos 20 anos detida, a mais três anos de detenção. A junta militar, no entanto, reduziu a sentença para 18 meses de prisão domiciliar em sua residência em Yangon.

"Os membros do Conselho de Segurança expressam grande preocupação na condenação e sentença de Daw Aung San Suu Kyi e seu impacto político", afirmou o comunicado.

União Europeia

Nesta quinta-feira, a União Europeia (UE) adotou novas sanções contra o regime birmanês para protestar contra a condenação San Suyu Kyi. "Os magistrados responsáveis pelo veredicto se somam à lista atual de pessoas e entidades que são objeto de uma proibição de viajar e de um congelamento de bens", afirma um comunicado.

"Além disso, a lista de pessoas e entidades que são objeto de medidas restritivas aumentará para estender o congelamento de bens às empresas de propriedade e controladas por membros do governo, assim como às entidades associadas", completa a declaração. A lista será publicada no diário oficial europeu.

Leia mais sobre Suu Kyi

    Leia tudo sobre: conselho de segurançamianmaronu

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG