Conselho de Segurança da ONU estuda aumentar tropas na RDC

Nações Unidas, 17 nov (EFE) - O Conselho de Segurança da ONU estuda um projeto de resolução que quer aumentar de forma temporária em mais de três mil o número de militares da organização atualmente desdobrados na Missão de Paz das Nações Unidas na República Democrática do Congo (Monuc), informaram hoje fontes diplomáticas. O projeto de resolução, apresentado hoje pela França e apoiado pelo Reino Unido, contempla o aumento de militares e policiais em 2.785 e mais de 300 unidades, respectivamente, que se somariam aos atuais 17 mil soldados internacionais que fazem parte da Monuc.

EFE |

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, pediu em várias ocasiões ao principal órgão de decisão da instituição uma postura nesse sentido, sobretudo para aumentar a presença na zona leste do país, onde se intensificaram os choques entre as forças governamentais e o grupo rebelde liderado pelo general Laurent Nkunda.

O projeto de resolução, ao qual a Agência Efe teve acesso, condena também "o ressurgimento da violência na região leste da República Democrática do Congo e pede às partes o imediato cessar-fogo".

Além disso, expressa "extremada preocupação" com a deterioração experimentada pela situação humanitária e, "em particular, pelos ataques contra a população civil, a violência sexual, o recrutamento de crianças-soldado e as execuções sumárias" que estão ocorrendo.

Fontes diplomáticas disseram que ainda não foi determinado em que momento o Conselho de Segurança analisará essa proposta, mas poderia ser nesta mesma semana.

A minuta da resolução autorizaria o desdobramento de pessoal adicional até 31 de dezembro de 2008 e se compromete a revisar de novo a situação antes dessa data. EFE emm/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG