Conselho de Segurança da ONU condena os atentados de Jacarta

O Conselho de Segurança das Nações Unidas se uniu ao secretário-geral da organização, Ban Ki-moon, para condenar o duplo atentado suicida desta sexta-feira na Indonésia, que deixou pelo menos nove mortos.

AFP |

Em declaração comum, os 15 países membros do Conselho "condenam firmemente os atentados" cometidos nesta sexta-feira pela manhã contra dois hotéis de luxo de Jacarta, e expressam sua certeza de que "o governo indonésio saberá levar à justiça os que perpetraram, planejaram, financiaram e apoiaram estes atos hediondos".

As duas explosões quase simultâneas que atingiram os hotéis Ritz Carlton e Marriott em Jacarta mataram pelo menos nove pessoas.

Segundo os especialistas, o malaio Noordin Mohammad Top, cérebro de uma célula dissidente da rede terrorista Jemaah Islamiyah, estaria por trás dos atentados desta sexta-feira.

ga/yw

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG