Conselho de Ética arquiva denúncias contra Sarney

Brasília, 5 ago (EFE).- O Conselho de Ética do Senado arquivou hoje cinco dos 11 pedidos de investigação contra o presidente da Casa, José Sarney (PMDB-AP).

EFE |

A oposição, por sua vez, prometeu apelar da decisão nos próximos dias.

O presidente do Conselho de Ética, Paulo Duque (PMDB-RJ), anunciou hoje que as cinco primeiras denúncias foram arquivadas. As outras seis serão analisadas na próxima semana.

Segundo Duque, as acusações não mostravam evidências e não possuíam embasamento legal, por serem baseadas em denúncias publicadas na imprensa.

O PSOL e o PSDB, que querem a cassação de Sarney, têm um prazo de 48 horas para apelar, e já anunciaram que tomarão esta medida.

Mais cedo, Sarney fez um discurso no plenário, se defendeu de todas as acusações e garantiu que não irá renunciar. EFE.

ed/plc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG