Congresso médico confirma eficácia de estatinas nos tratamentos do coração

A conferência anual do The American College of Cardiology (ACC) reconheceu as estatinas como o medicamento mais eficaz para combater o colesterol e fazer retroceder problemas cardiovasculares, principal causa de óbitos nos países industrializados.

AFP |

A eficácia das estatinas para reduzir o excesso de colesterol e para fazer retroceder as doenças coronárias está amplamente comprovada, após 15 anos de sua chegada ao mercado.

As estatinas estão presentes em todos os principais medicamentos contra o colesterol, como o Crestor, do laboratório britânico AstraZeneca, o Zocor, da Merck, ou o Lipitor, da Pfizer, e representam agora um mercado de 35 bilhões de dólares.

Um grupo de eminentes cardiologistas, eleitos pela presidência da ACC, recomendou publicamente a volta do uso das estatinas para combater o colesterol e reduzir a mortalidade provocada por doenças cardiovasculares, após o fracasso do Vytorin, da Merck e do Schering-Plough.

js/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG