Congresso dos EUA aprova históricas restrições à indústria do fumo

O Congresso dos Estados Unidos aprovou nesta sexta-feira uma lei que dá ao governo poderes sem precedentes para regular os fabricantes de cigarros, depois de décadas de resistência por parte da poderosa indústria do fumo.

AFP |

O Senado americano havia aprovado na quinta-feira um projeto de lei que concede à agência do governo federal Food and Drugs Adminstration, FDA, importantes poderes para impor restrições à indústria do fumo.

Um texto semelhante já havia sido adotado na Câmara de Representantes no começo de abril.

O projeto aprovado dá à autoridade reguladora de alimentos e medicamentos americana, FDA, o poder de controlar o consumo de tabaco entre os jovens e a dependência a este produto.

No Senado, o projeto encontrou a oposição dos senadores pelo Estado da Carolina do Norte (sudeste), produtor de fumo, o republicano Richard Burr e a democrata Kay Hagan.

O texto autoriza o governo a restringir a venda e a distribuição do fumo e de produtos derivados sem, no entanto, proibi-la totalmente. Também aumentará a regulamentação da publicidade.

oh/aic/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG