Congresso americano faz homenagem a Michael Jackson

Os congressistas americanos interromperam um acalorado debate nesta sexta-feira para prestar uma homenagem ao rei do pop Michael Jackson, que faleceu na quinta-feira.

AFP |

"Nos levantamos para fazer um tributo a uma estrela que subiu aos céus", declarou Diane Watson, representante da Califórnia.

"Um homem jovem deixou a Terra, mas agora mora nas estrelas. E esta era uma pessoa talentosa, multitalentosa, que entreteve o mundo com seus personagens dinâmicos, as canções que escreveu, seu estilo de dançar", acresentou.

Em nome de todos os membros do Congresso, Watson enviou "nossas condolências e nossa tristeza profunda a sua família, seus amigos e seus milhões de fãs em todo o mundo".

Jesse Jackson Jr., outro representante democrata, estimou que Deus "distribui graça, misericórdia e talento entre todos os seus filhos", e que havia abençoado Jackson em especial.

"Com esse dom, este jovem homem, Michael Jackson, tocou e mudou o mundo. Seu coração não podia ficar maior. E ontem, ele parou", lamentou o congressista, referindo-se à parada cardíaca que matou o cantor.

"Venho aqui hoje em nome de uma geração para agradecer a Deus, por ter deixado que todos nós vivêssemos na geração e na era dele. Assim, peço aos membros do Congresso que por favor se levantem para um momento de silêncio".

As homenagens interromperam as discussões sobre uma lei histórica para combater as mudanças climáticas, que estava sendo negociadas na Casa dos Representantes.

ok/ap

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG