Congresso adia recesso e retoma amanhã negociações sobre pacote econômico

Washington, 26 set (EFE).- O Congresso dos Estados Unidos, imerso nas duras negociações sobre o plano do Governo para socorrer o sistema financeiro, resolveu hoje adiar o recesso até as eleições de 4 de novembro e dar continuidade aos contatos durante o fim de semana.

EFE |

O presidente da Comissão de Serviços Financeiros da Câmara dos Representantes, o democrata Barney Frank, se mostrou convencido de que, até segunda-feira, quando as bolsas de valores reabrem, as partes terão chegado a um acordo sobre a proposta do Tesouro americano de gastar US$ 700 bilhões na compra de títulos podres em poder dos bancos.

"Acho que há avanços", disse em entrevista coletiva a presidente da câmara baixa, a democrata Nancy Pelosi.

O presidente dos EUA, George W. Bush, também se mostrou certo de que o plano de resgate acabará aprovado e que, quando isso acontecer, vai acalmar os mercados.

Fontes do Legislativo disseram nesta sexta-feira que os quatro negociadores nomeados pelos democratas e republicanos para tratar do tema não se reunirão esta noite, mas retomarão os contatos amanhã.

EFE pgp/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG