Confira os argumentos pró e contra o plano de resgate http://ultimosegundo.ig.com.br/economia/2008/09/27/pelosi_cre_em_votacao_do_plano_ate_amanha_1940954.html target=_topPelosi crê em votação do plano até amanhãhttp://ultimosegundo.ig.com.br/economia/2008/09/27/houve_avancos_significativos_sobre_pacote_diz_democrata_1941203.html target=_top Houve avanços significativos sobre pacote, diz democrata http://ultimosegundo.ig.com.br/economia/2008/09/27/custo_final_do_pacote_de_ajuda_nos_eua_sera_menor_diz_bush_1941169.html target=_topCusto final do pacote de ajuda nos EUA será menor, diz Bush" / Confira os argumentos pró e contra o plano de resgate http://ultimosegundo.ig.com.br/economia/2008/09/27/pelosi_cre_em_votacao_do_plano_ate_amanha_1940954.html target=_topPelosi crê em votação do plano até amanhãhttp://ultimosegundo.ig.com.br/economia/2008/09/27/houve_avancos_significativos_sobre_pacote_diz_democrata_1941203.html target=_top Houve avanços significativos sobre pacote, diz democrata http://ultimosegundo.ig.com.br/economia/2008/09/27/custo_final_do_pacote_de_ajuda_nos_eua_sera_menor_diz_bush_1941169.html target=_topCusto final do pacote de ajuda nos EUA será menor, diz Bush" /

Congressistas dos EUA dizem estar perto de acordo sobre plano econômico

Democratas e republicanos no Congresso americano afirmam ter feito progressos para chegar a um acordo sobre o plano do governo George W. Bush para resgatar a economia do país. http://ultimosegundo.ig.com.br/bbc/2008/09/26/confira_os_argumentos_pro_e_contra_o_plano_de_resgate_1939541.html target=_topConfira os argumentos pró e contra o plano de resgate http://ultimosegundo.ig.com.br/economia/2008/09/27/pelosi_cre_em_votacao_do_plano_ate_amanha_1940954.html target=_topPelosi crê em votação do plano até amanhãhttp://ultimosegundo.ig.com.br/economia/2008/09/27/houve_avancos_significativos_sobre_pacote_diz_democrata_1941203.html target=_top Houve avanços significativos sobre pacote, diz democrata http://ultimosegundo.ig.com.br/economia/2008/09/27/custo_final_do_pacote_de_ajuda_nos_eua_sera_menor_diz_bush_1941169.html target=_topCusto final do pacote de ajuda nos EUA será menor, diz Bush

BBC Brasil |

O senador democrata Harry Reid disse que o Congresso fez um "progresso significativo", mas enfatizou que ainda há "um longo caminho" a trilhar até o consenso. Ele afirmou que 15 pontos do plano ainda são motivos de controvérsia entre os dois lados.

O senador republicano Mitch McConnell disse que o objetivo era anunciar um acordo no domingo e realizar a votação na segunda-feira. Negociadores esperam que os congressistas cheguem a um consenso antes da reabertura dos mercados na segunda-feira.

Bush

Em seu programa semanal de rádio, o presidente Bush tentou tranqüilizar americanos sobre o peso que recairá sobre os contribuintes para que o plano de US$ 700 bilhões.

Segundo o líder americano, o pacote deve custar menos que o previsto. Bush ainda pediu aos congressistas americanos que se apressem em aprovar o pacote, dizendo que a questão está acima de partidos políticos.

A presidente da Câmara, a democrata Nancy Pelosi, disse em uma reunião privada com democratas que o partido não insistiria mais na proposta de alterar as leis de falência para permitir a juízes que suspendam a tomada de posse de casas com pagamentos hipotecários atrasados. Republicanos temiam que a medida desencorajasse bancos a fazer novos empréstimos.

Debate

Na noite de sexta-feira, no primeiro debate dos candidatos à Presidência dos Estados Unidos, o democrata Barack Obama e o republicano Jonh McCain reforçaram a necessidade de um acordo.

Suas respostas, porém, revelaram diferenças sobre os culpados pela crise. "Nós também temos de reconhecer que este é um veredicto final dos oitos anos de políticas econômicas fracassadas promovidas por George W. Bush e apoiadas pelo senador McCain", disse Obama.

O senador McCain, por sua vez, culpou lideranças irresponsáveis em Washington e em Wall Street pela crise. As negociações para um acordo sobre o pacote de ajuda têm sido observadas de perto pelos mercados financeiros.

Na sexta-feira, bolsas na Europa e no Brasil terminaram o dia em baixa. Nos Estados Unidos, o índice Dow Jones da Bolsa de Nova York teve um dia volátil, com momentos de altas e baixas, e acabou encerrando o dia em alta de 1,1%. O índice da bolsa eletrônica Nasdaq, por outro lado, fechou em ligeira baixa, de 0,15%.

Leia mais sobre plano de resgate americano

    Leia tudo sobre: plano de resgate americano

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG