Confrontos entre milicianos e tropas deixam 12 mortos e 38 feridos no Iraque

Bagdá, 14 mai (EFE).- Confrontos entre milicianos xiitas e tropas do Iraque e dos Estados Unidos, assim como um atentado, deixaram 12 mortos e 38 feridos em Bagdá nas últimas 24 horas, informaram hoje fontes policiais.

EFE |

As fontes disseram que pelo menos sete pessoas morreram nos combates, que aconteceram na noite de ontem entre membros do Exército Mehdi, do clérigo xiita Moqtada al-Sadr, e soldados iraquianos e americanos no bairro de Cidade de Sadr, no leste de Bagdá.

Os combates também deixaram 25 feridos, informaram as fontes, que não disseram se as vítimas são milicianos xiitas ou soldados.

Além disso, outras duas pessoas morreram e seis ficaram feridas em confrontos similares em um bairro no noroeste da capital.

Por outro lado, pelo menos três pessoas morreram e outras sete ficaram feridas após a explosão de uma bomba durante a passagem de um comboio de um deputado iraquiano em um bairro do centro de Bagdá.

O atentado tinha como alvo um deputado, que saiu ileso, informaram as fontes, que acrescentaram que as vítimas eram todas seguranças do parlamentar. EFE ah/fal

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG