Confrontos entre hindus e forças de segurança deixam 28 feridos na Caxemira

Nova Délhi, 31 ago (EFE).- Pelo menos 28 pessoas ficaram feridas hoje em confrontos entre cidadãos hindus e as forças de segurança em Jammu, na Caxemira indiana, onde continua vigente o toque de recolher, informou uma fonte policial.

EFE |

Segundo a fonte, citada pela agência "PTI", quinze feridos foram hospitalizados.

A Polícia tentou dissolver com cassetetes e gás lacrimogêneo as concentrações de cidadãos hindus, que tomaram as ruas para celebrar o acordo de cessão de terrenos para a peregrinação a Amarnath alcançado hoje entre o representante do governador regional e a organização que promove a peregrinação.

O Exército foi mobilizado em Jammu e o toque de recolher se estendeu aos distritos de Udhampur, Kathua, Poonch e Kishtwar para evitar as marchas convocadas pelo Shri Amarnath Sangarsh Samiti, plataforma que reúne cerca de 30 grupos hindus.

Segundo a fonte, os manifestantes insatisfeitos com a ação das forças de segurança jogaram pedras e protagonizaram confrontos que deixaram 25 civis e três policiais feridos.

"Impusemos o toque de recolher para evitar que as pessoas se reúnam e participem da concentração, em vista dos dados dos serviços de inteligência que informam da presença de insurgentes", disse o subcomissário do distrito de Jammu, Mandeep K. Bhandari, citado pela "PTI". EFE mb/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG