Confrontos entre Exército paquistanês e rebeldes deixam 15 mortos

Islamabad, 8 nov (EFE) - Pelo menos 15 insurgentes morreram hoje em combates com o Exército paquistanês no conflituoso vale do Swat, no norte do país, informou à Agência Efe uma fonte militar. O general Tariq explicou que as forças de segurança conduziram uma operação de rastreamento de refúgios e esconderijos dos fundamentalistas no distrito de Matta, por causa da qual tiveram início confrontos armados que duraram aproximadamente três horas. Citando testemunhas, o canal particular Dawn acrescentou que na ofensiva também morreram oito civis, mas Tariq não confirmou esta versão. Estamos investigando o acontecido. Mas, por enquanto, nossos contatos na zona não informaram da morte de civis, disse a fonte.

EFE |

Desde finais de julho, o Exército desenvolve uma operação neste vale, pertencente à Província da Fronteira Noroeste (NWFP), na qual afirma ter matado centenas de membros da insurgência talibã.

No distrito tribal de Bajaur, situado na fronteira com o Afeganistão, onde o Exército também realiza uma operação, cerca de 20 insurgentes morreram hoje, segundo várias televisões locais.

Porta-vozes militares consultados pela Efe não confirmaram imediatamente esta versão.

"Foram bombardeadas várias zonas contíguas à capital do distrito, Khar, e pode haver muitas vítimas no lado insurgente, mas ainda não sabemos o alcance da operação", precisou o porta-voz Basir Haider.

Mais de 1.500 fundamentalistas e 73 soldados morreram em Bajaur desde que as Forças Armadas iniciaram suas ofensivas, no início de agosto. EFE igb/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG