Confrontos da Mauritânia deixam dois mortos e oito feridos

Os combates entre militantes islâmicos e o Exército da Mauritânia na noite desta segunda-feira deixaram dois mortos e oito feridos no noroeste de Nouakchott, segundo fontes médicas e de segurança.

AFP |

"Um jihadista morreu e outro foi ferido. A maior parte dos jihadistas está cercada" em uma casa em construção no bairro de Tevregh Zeïna, no noroeste de Nouakchott, disse à AFP uma fonte da segurança.

O jihadista preso "foi baleado". Acreditamos que ele é Sidi Ould Sidna", um dos assassinos dos quatro turistas franceses mortos em dezembro passado no sul da Mauritânia.

Segundo fontes médicas, "oito membros das forças da ordem foram feridos e um morreu no hospital".

Os combates entre as forças do Exército e militantes islâmicos começaram às 18H30 local (15H30 Brasília) e tiros esporádicos ainda ocorriam durante a noite.

hos/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG