Confronto entre autoridades somalis e milícias islâmicas deixam 6 mortos

Mogadíscio, 17 jun (EFE).- Seis civis morreram e outros quatro ficaram feridos hoje em Mogadíscio, em uma nova escalada da violência registrada na Somália depois que grupos fundamentalistas islâmicos rejeitassem na semana passada um acordo de trégua com as autoridades somalis.

EFE |

Segundo a rede de notícias "Shabelle", as tropas do Governo de Transição, apoiadas por soldados etíopes, entraram em confronto com milicianos islâmicos aparentemente vinculados a Al Qaeda em várias partes da capital somali.

Os tiroteios começaram depois que os insurgentes islâmicos atacaram um destacamento de tropas etíopes em um cruzamento de caminhos próximo ao bairro de Wardhigley.

Vários mísseis disparados por tropas etíopes da base militar de Aslubta atingiram um mercado em Bakara. Ainda não se sabe se o incidente deixou vítimas.

Os milicianos bombardearam também as posições etíopes no distrito de Heliwa, no norte da capital somali, onde a calma retornou após os combates.

De acordo com a "Shabelle", nenhuma das facções informou sobre o número de vítimas.

Os grupos islâmicos somalis rejeitaram a trégua estipulada no último dia 9 entre o Governo de Transição e alguns membros da opositora Aliança para a Nova Libertação da Somália (ANLS).

O acordo foi assinado em Djibuti com a mediação de representantes das Nações Unidas, mas um importante membro da ANLS, Sheikh Hassan Dahir Aweys e um dos líderes do grupo guerrilheiro islâmico Al- Shabab, Sheik Hassan Abdullah Hersi, também conhecido como "Al Turki", rejeitaram o pacto no dia seguinte.

Aweys e Hersi, que para ONU e Estados Unidos tem ligação com a organização Al Qaeda, fizeram uma chamada "ao povo somali e aos insurgentes a seguirem combatendo contra o Governo e seus aliados militares etíopes".

Está previsto que o acordo de trégua entre em vigor entre os próximos 30 dias e se estenda por um período de teste de três meses.

EFE jm/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG