Uma pessoa morreu e cinco ficaram gravemente feridas no sudoeste da China em um choque entre a polícia e manifestantes em um conflito por uma disputa de terras, informou um grupo de defesa dos direitos humanos.

De acordo com a rede Defensores dos Direitos Humanos na China, a polícia abriu fogo na segunda-feira contra um grupo de 100 moradores de Saixi, na província de Yunnan, contrários à implantação de uma mina de tungstênio.

De acordo com a agência Xinhua, a polícia atirou para o alto a princípio, mas não conseguiu dispersar os manifestantes.

A agência informou ainda que cinco policiais ficaram feridos.

sai-frb/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.