Confirmada soltura de jornalistas espanhol e britânico na Somália

Bosaso (Somália), 4 jan (EFE).- O fotógrafo espanhol José Cendón e o jornalista britânico Colin Freeman foram libertados hoje, depois de um mês seqüestrados no norte da Somália, confirmou à Agência Efe o Ministério de Segurança regional da Puntlandia, região somali onde ocorreu o rapto.

EFE |

Cendón e Freeman voltaram para o local em que foram seqüestrados, o Hotel International Village, em Bosaso, a principal cidade de Puntlandia, depois de terem sido libertados nas montanhas próximas à localidade. EFE sa/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG