Conferência da ONU sobre clima discutirá adaptações ao aquecimento global

Genebra, 30 jun (EFE).- A III Conferência Mundial Sobre o Clima das Nações Unidas terá como objetivo identificar e definir os mecanismos de adaptação ao fenômeno do aquecimento global, anunciou hoje a Organização Meteorológica Mundial (OMM).

EFE |

Em entrevista coletiva o secretário-geral da OMM, Michel Jarraud, explicou que não se deve somente tentar mitigar as mudanças climáticas, mas também aplicar as medidas necessárias para atenuá-la.

"Temos que desenvolver ferramentas de adaptação que nos permitam prever as mudanças e prevenir processos climáticos que nos afetam negativamente", afirmou Jarraud.

A conferência será realizada em Genebra, do dia 31 de agosto ao dia 4 de setembro e será a terceira de sua categoria, depois das de 1979 e 1990.

A primeira conferência estabeleceu o Painel Intergovernamental de Mudanças Climáticas (IPCC) - premiado em 2007 com Nobel da Paz por sua constatação sobre o aquecimento global - e a segunda resultou na Conferência das Nações Unidas para o Meio Ambiente e o Desenvolvimento, no Rio de Janeiro, a Rio-92.

Os organizadores da conferência querem criar um "marco global de serviços climáticos", uma ampla rede de troca de informação que sirva a todo o mundo e seja aplicável em todas as regiões do planeta.

"Precisamos não só obter a informação, mas também poder e saber transmití-la ao povo que a necessita, aos políticos que deverão tomar decisões e às sociedades que deverão se adaptar", indicou Jarraud.

A conferência será dividirá em duas partes: uma reunião dedicada ao debates de analistas, centradas no potencial que os serviços climáticos podem oferecer e nas necessidades das comunidades de usuários, e um encontro de alto nível, durante o qual se prevê que os políticos tomem medidas em relação à adaptação ao clima.

A segunda reunião será inaugurada pelo secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, e posteriormente dois de seus enviados especiais o representarão: o ex-presidente chileno Ricardo Lagos e a antiga primeira-ministra da Noruega Gro Harlem Brundtland.

A III Conferência Mundial sobre o Clima será "um passo e uma ajuda determinante" para a Cúpula de Copenhague de dezembro, segundo Jarraud.

O Protocolo de Kioto vence em 2012 e a comunidade internacional deve renová-lo anteriormente, por isso, os membros da Convenção Quadro das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas (UNFCCC) se reunirão em Copenhague para negociar.

"A Conferência de Genebra servirá para esclarecer os temas que devem ser tratados em Copenhague. Os políticos já terão em suas mãos todas as informações necessárias, relativas à adaptação, porque elas serão discutidas e estipuladas com antecipação", explicou o secretário-geral da OMM.

Por enquanto, a lista de altos líderes que confirmaram presença na conferência é muito pequena, mas os organizadores esperam que aumente com a aproximação da data de realização. EFE mh/pd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG