Condoleezza Rice pede cooperação total ao Paquistão

A secretária de Estado americana, Condoleezza Rice, pediu nesta segunda-feira a Islamabad que coopere de forma completa, absoluta e total com a Índia, nas investigações sobre os atentados de Mumbai que apontam para autoria de um grupo radical islâmico baseado no Paquistão e ativo na Caxemira.

AFP |

"Não quero fazer conclusões precipitadas a respeito, mas estou convencida de que chegou a hora de uma transparência e uma cooperação completas, absolutas e totais. E é o que esperamos", declarou à imprensa a chefe da diplomacia americana, que chegou nesta segunda-feira a Londres.

Rice vai desembarcar na quarta-feira em Nova Délhi para expressar a solidariedade dos Estados Unidos.

"É extremamente importante que exista a mais alta cooperação entre Paquistão e Índia e isto serve para todas as instituições", acrescentou Rice ainda no avião que a levava para Londres, onde se reunirá com autoridades britânicas que mantêm relações estreitas com as duas potências nucleares do subcontinente indiano.

"Entendo que existirá uma cooperação entre as forças de segurança e os serviços de inteligência para chegar ao fundo do que aconteceu", completou.

O Paquistão decidiu na sexta-feira não enviar à India o diretor dos serviços de inteligência do país para ajudar nas investigações, como havia anunciado em um primeiro momento, em uma decisão sem precedentes.

sl/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG