Publicidade
Publicidade - Super banner
Mundo
enhanced by Google
 

Condoleezza Rice afirma em Praga que a Rússia alimenta tensões

A secretária de Estado norte-americana Condoleezza Rice declarou que a atitude da Rússia em relação à Geórgia alimenta as tensões na região, nesta terça-feira em sua chegada a Praga, onde assinou um questionado acordo de instalação de um radar antimísseis na República Tcheca.

AFP |

"Dissemos que Geórgia e Rússia devem evitar qualquer atitude provocadora, mas de fato algumas das coisas que os russos fizeram nos últimos dois meses alimentaram a tensão na região", disse.

"A Geórgia é um Estado independente, e tem que ser tratada como tal", acrescentou.

A tensão latente ente Tblisi e Moscou relativa às regiões separatistas georgianas pró-russas de Abkházia e Ossétia do Sul aumentou na última semana.

A Ossétia do Sul decretou na sexta-feira passada uma "mobilização geral" após denunciar a morte de duas pessoas em um ataque georgiano. Nesta segunda-feira a Abkházia anunciou o corte de todos os seus vínculos com a Geórgia, depois de uma série de explosões que deixaram quatro mortos em pouco mais de uma semana nessa região.

"Quero deixar claro que o compromisso dos Estados Unidos com a integridade territorial da Geórgia é sólido", disse a secretária de Estado.

Rice acrescentou que houve contatos com países como a Rússia para tentar acalmar a tensão, especialmente em torno da Abkházia.

Apesar de se opor a Moscou em relação à Geórgia, Rice considerou que "houve uma cooperação significativa" com a Rússia em outros âmbitos.

Rice visita Praga para assinar um acordo para a instalação de um radar antimísseis norte-americano em um país que no passado esteve sob influência soviética, ao qual a Rússia se opõe firmemente. Nos próximos dias, a secretária de Estado visitará Bulgária e Geórgia.

lc/dm

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG