Uma exposição em um museu no País de Gales traz uma amostra de como poderia seria a música do homem de Neandertal, em uma composição criada e gravada por um músico e compositor galês. A gravação é resultado de uma extensa pesquisa feita pelo compositor Simon Thorne, incumbido pelo Museu Nacional do País de Gales, na Grã-Bretanha, de tentar recriar sons da espécie que existiu há cerca de 30 mil anos paralelamente com os primeiros Homo sapiens .

A trilha sonora será usada como pano de fundo para algumas das peças em exposição no museu. Mas, por causa do interesse gerado pelo trabalho, o músico saíra em turnê, ainda este ano.

Thorne afirma que este foi "provavelmente" o trabalho "mais incomum" que já realizou.

Ouça aqui a música do homem de Neandertal
Apesar de o homem de Neandertal ter reputação de ser pouco inteligente, pesquisas recentes sugerem que ele era muito mais inovador e expedito do que se pensava.

"Levando-se em conta que o cérebro do homem de Neandertal tinha o mesmo tamanho que o nosso, e que grande parte do cérebro é usada para a linguagem, então podemos concluir que eles provavelmente usavam alguma linguagem", disse Thorne.

"Toda cultura tem linguagem e música, então, podemos provavelmente concluir que eles também tinham música."
A composição de 75 minutos de duração foi encomendada pelo Museu Nacional do País de Gales com o objetivo de servir como "ilustração musical" na sessão paleolítica da exposição Origens do País de Gales.

A exposição inclui artefatos como um machado e dentes encontrados em Pontnewydd em Denbigshire e, como parte de sua pesquisa, Thorne visitou a caverna onde eles forem encontrados.

O compositor afirma ser o primeiro a admitir que é impossível saber exatamente como seria a música composta pelo Homem de Neandertal.

"É uma noção ridícula sugerir que poderíamos saber o papel preciso da música na vida dos Homens de Neandertal, mas imaginá-la tem sido uma experiência fascinante."
O compositor pesquisou a época extensivamente e encontrou inspiração em dois livros: The singing Neanderthal
, do arqueólogo Steven Mithens (O Neanderthal cantor
, em tradução livre), e The Mind in the Cave
(A mente na caverna
, em tradução livre), de David Lewis Williams.

Segundo Mithens - que participará de uma palestra com Thorne sobre o papel que a música pode ter tido na vida dos Homens de Neandertal - o compositor "está tentando criar a sensação de estar presente naquela época".

Além da música, um filme encomendado para a exposição vai transportar o público para uma caverna usada por Homens de Neandertal.

O músico depois seguirá em turnê, com quatro cantores, instrumentos de pedra e um projeto de vídeo para várias cidades britânicas no fim de março.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.