Companhias de cruzeiros decidem cancelar escalas no México

Londres, 29 abr (EFE).- As companhias de cruzeiros Royal Caribbean e Celebrity Cruises suspenderão as escalas previstas em portos mexicanos por causa do foco de gripe suína surgido no país.

EFE |

Segundo informaram hoje estas companhias, a medida afeta os navios "Enchantment of the Seas", "Freedom of the Seas", "Liberty of the Seas" e "Mariner of the Sesas", que fazem cruzeiros pelo Caribe.

Estas embarcações atracarão em outros portos ou passarão mais tempo em alto-mar, enquanto que o "Mariner of the Seas" mudará seu itinerário para passar pela costa oeste dos Estados Unidos e do Canadá.

A operadora turística Thomson cancelou ontem seus voos para o balneário mexicano de Cancún, enquanto que o grupo Thomas Cook decidiu cancelar uma semana de seus pacotes turísticos a esse destino.

Além disso, a Thomson começou hoje a trazer ao Reino Unido seus turistas que passavam as férias no México e que decidiram antecipar seu retorno pelo foco de gripe suína.

O Governo do Reino Unido recomendou seus cidadãos que evitem viajar ao México a menos que seja essencial.

Segundo o Foreign Office, a decisão foi tomada depois de a Organização Mundial da Saúde (OMS) ter elevado o nível de alerta pandêmica da fase 3 à 4 (de uma escala até 6) ao verificar que o vírus da gripe suína pode ser transmitido de pessoa a pessoa. EFE vg/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG