Companhia tailandesa projeta 31 voos para este domingo

BANGCOC - A companhia aérea tailandesa, Thai Airways International, anunciou que tem previstos para este domingo 31 voos para os viajantes que desejem sair ou entrar na Tailândia, onde mais de 100 mil passageiros estão afetados pelo fechamento dos dois aeroportos de Bangcoc.

Redação com EFE |

Acordo Ortográfico

Em comunicado, a principal companhia aérea tailandesa informou que 18 aviões decolarão ao longo do dia da base militar de U-Tapao em direção a diferentes destinos internacionais, enquanto outros 13 aterrissarão procedentes do estrangeiro.

A Embaixada dos Estados Unidos em Bangcoc solicitou ao Governo da Tailândia compensações para os cidadãos norte-americanos que não puderam emvarcar nos vôos previstos.

A antigovernamental Aliança do Povo para a Democracia, que ocupou esta semana os aeroportos da capital, se negou até o momento a permitir a saída dos 88 aparelhos.

Protestos continuam

Um dos chefes da antigovernamental Aliança do Povo para a Democracia assegurou neste domingo que continuarão nos dois aeroportos de Bangcoc.

O ex-governador de Bangcoc e general na reserva, Chamlong Srimuang, disse a seus seguidores no aeroporto internacional de Suvarnabhumi, principal do país e cerca de 35 quilômetros ao leste da capital, que a vitória sobre o governo do primeiro-ministro Somchai Wongsawat está próxima.

Srimuang disse que o dia 2 de dezembro será decisivo. Nesse dia, o Tribunal Constitucional deve decidir o processo de dissolução do governante Partido do Poder do Povo, acusado de irregularidades durante as eleições do 23 de dezembro de 2007.

    Leia tudo sobre: tailândia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG