Como funcionam as eleições em Israel

Israel elege nesta terça-feira sua 18ª Kneset, o Parlamento unicameral de 120 cadeiras.

AFP |

- NÚMERO DE ELEITORES REGISTRADOS: 5.278.985

- NÚMERO DE LISTAS: 33, que devem obter um mínimo de 2% dos votos para ter representação na Kneset.

- ELEIÇÔES: sistema proporcional integral de um turno (Israel é considerado uma única grande região eleitoral).

- COLÉGIOS ELEITORAIS: 9.263, que abrirão as portas às 5H00 GMT (3H00 de Brasília) e fecharão às 20H00 GMT.

- NOMEAÇÃO DO PRIMEIRO-MINISTRO: Depois da publicação dos resultados, o presidente israelense Shimon Peres tem uma semana para realizar consultas e escolher o cabeça da lista que tiver, em sua opinião, mais possibilidades de formar uma coalizão, apesar de não ter necessariamente obtido o maior número de deputados.

- FORMAÇÃO DO GOVERNO: O candidato designado dispõe de um prazo de 28 dias para apresentar seu governo à Kneset, que pode ser prolongado por mais 14 dias. Se não o fizer, o presidente escolhe outro candidato, que também contará com um prazo de 28 dias.

mel/cn/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG