bárbaro atentado que deixou 44 mortos na Argélia - Mundo - iG" /

Comissão Européia condena bárbaro atentado que deixou 44 mortos na Argélia

Bruxelas, 19 ago (EFE).- A comissária de Relações Exteriores da União Européia (UE), Benita Ferrero-Waldner, lamentou hoje a morte de 44 pessoas no atentado suicida contra uma escola superior militar em Les Issers, na Argélia, um ato bárbaro que não serve para nenhum propósito, disse.

EFE |

Em comunicado, a comissária se declarou "profundamente horrorizada" pelo "espantoso bombardeio", que destruiu dezenas de casas e comércios, e causou grandes danos em algumas casas situadas a mais de cem metros da zona onde explodiu o carro-bomba.

Ferrero-Waldner ressaltou que a Argélia pode contar com a Europa para apoiá-la em sua luta contra o terrorismo, que hoje em dia é "um problema no mundo todo", de acordo com o estado de direito e o respeito aos direitos humanos.

"Quero expressar minha mais profunda simpatia à Argélia e minhas condolências às famílias atingidas por este terrível ataque", acrescentou. EFE rja/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG